quarta-feira, agosto 17, 2011

Brasil e EUA iniciam fórum de diálogo sobre energia

EFE

Brasília, 17 ago (EFE).- O subsecretário de Energia dos Estados Unidos, Daniel Poneman, e o secretário-executivo do Ministério de Minas e Energia do Brasil, Marcio Zimmermann, iniciaram nesta quarta-feira um fórum de diálogo que terá entre seus principais temas a promoção dos biocombutíveis.
"No mundo atual, a demanda de energia cria grandes desafios no âmbito da sustentabilidade e de eficiência energética, e tanto o Brasil como os EUA têm importantes experiências nessas áreas", disse o funcionário brasileiro durante a instalação do chamado Diálogo Estratégico Energético.
A criação deste fórum bilateral foi anunciada no dia 19 de março durante um encontro realizado em Brasília entre o presidente americano, Barack Obama, e a chefe de Estado Dilma Rousseff.
Poneman, que chegou ao país na segunda-feira, declarou que Obama tem um especial interesse em estreitar as relações com o Brasil em todos os campos e, especialmente, na área de energia.
O representante americano indicou que a "sociedade" entre os dois países pode abranger desde setores de petróleo e gás até o de biocombustíveis, que ambos são grandes produtores.
Poneman reiterou que um dos objetivos deste diálogo é buscar meios de desenvolver um trabalho conjunto em torno da promoção do etanol, que no Brasil é produzido a partir da cana-de-açúcar e nos EUA, do milho.
Na área de petróleo e gás, o americano reafirmou o interesse de empresas dos EUA em participar da exploração do pré-sal, um novo horizonte de hidrocarbonetos descoberto pelo Brasil em águas do oceano Atlântico. EFE
Postar um comentário