quarta-feira, fevereiro 22, 2012

Google celebra 155° Aniversário do Físico Heinrich Hertz com Doodle animado

Todos já estão acostumados com os Doodles comemorativos preparados pela equipe do Google. Além de datas importantes o Google homenageia pessoas que influenciaram no avanço mundial. Hoje, 22 de fevereiro a celebração é o 155° aniversário do Físico Heinrich Rudolf Hertz o físico alemão cujas experiências com ondas eletromagnéticas levaram ao desenvolvimento do telégrafo sem fio e do rádio.



Foto: Reprodução/Google
O "presente" do Google nesse 155° aniversário é um gif animado que representa um movimento ondulatório, contendo as cores do simbolo da empresa. Para muitos pode ser um tanto simples a homenagem, mas a animação relembra a realização de Hertz por ser a primeira pessoa "com sucesso" a demostrar a existência das ondas eletromagnéticas.

Hertz pode ser considerado um dos grades cientistas no ramo da física. Nascido em Hamburgo na Alemanha em 22 de fevereiro 1857, Heinrich já tinha um grande interesse desde pequeno pela dinâmica. Antes de se formar físico frequentou por dois anos a faculdade de Engenharia, porém o lado científico chamou mais sua atenção o levando a se formar em física pela Universidade Humboldt de Berlim.  
Foto: Reprodução/Wikipedia

Com apenas 22 anos, ganhou o título de PhD, devido seu rápido progresso na investigação dos fenômenos eletromagnéticos, em 1880

A partir de 1883, Hertz começa experimentos e descobre a produção e propagação das ondas eletromagnéticas.

Em 1885, depois de se tornar professor na Technische Hochschule de Karlsruhe, volta com seus experimentos e durante uma aula de circuitos elétricos, demostra para seus alunos a indução eletromagnética através da descarga de um capacitor. Com os resultados obtidos na demostração, Hertz notou um fenômeno inesperado, faíscas em um circuito próximo.

Em 1888, ele demostrou que as emissões eletromagnéticas eram associadas as faíscas e que elas se comportavam como onda.  Esses estudos permitiram demonstrar a existência de radiação eletromagnética que podia se transmitir e receber, tal como previsto teoricamente por Maxwell em 1884. Hertz apresentou os resultados das suas experiências à comunidade científica, e obteve o merecido sucesso.

Graças a compreensão desses estudos que temos hoje a transmissão de imagens e sons recebidos na televisão, rádio, telefones celulares, radar e Wi-Fi.

O nome de Hertz não só é lembrado por seus estudos, mas também graças ao SI, já que seu nome é o termo utilizado para frequências (elétricas, rádio) o hertz (Hz) juntamente com seus múltiplos, kilohertz (kHz) e megahertz (MHz) mais comuns entre outros. Um Hz é equivalente a um ciclo por segundo (1/s).

Heinrich Hertz faleceu em Bonn em 1894 depois de contrair uma doença rara que afetou seus vasos sanguíneos.

Postar um comentário